Notícias

Ex-piloto da Indy é condenado a 25 anos de prisão por abuso sexual infantil e conteúdo pornográfico

Jon Herb já estava preso desde 2013, quando a polícia recebeu uma denúncia que partiu da ex-mulher
06/01/2016 16:07 - Atualizado em 06/01/2016 16:07
Por ahe!
RIO

O ex-piloto da Formula Indy Jon Herb foi condenado a 25 anos de prisão por abuso sexual de menor e conteúdo pornográfico infantil, de acordo com uma publicação de veículos norte-americanos. O Tribunal do condado de Collier, na Flórida, nos Estados Unidos, foi o responsável por decretar a sentença.

Herb já estava preso desde 2013, quando a polícia recebeu uma denúncia que partiu da ex-mulher do piloto. Foram encontrados em seu laptop 243 fotos e três vídeos de uma menina de quatro anos em que aparece fazendo sexo oral em Herb.

Por orientação dos próprios advogados, o ex-piloto, aos 45 anos decidiu não alegar insanidade por e aceitou as acusações de abuso sexual e posse de pornografia infantil. Mesmo após o cumprimento de sua pena, ele terá de ficar sob condicional para o resto da vida.

Jon Herb disputou 16 provas da Indy, entre 2000 e 2007, inclusive duas da Indy 500. Ele também esteve presente na Indy Lights, onde correu em 23 provas, saindo vencedor em uma oportunidade, em 2005.


compartilhar no