Vôlei

Corpo de ex-jogadora do Minas é encontrado pela polícia espanhola

Holandesa Ingrid Visser e seu namorado Lodewijk Severin estavam desaparecidos desde o último dia 13
27/05/2013 10:21 - Atualizado em 27/05/2013 11:56
Por ahe!
RIO

Ingrid Visser em quadra pela seleção holandesa - Divulgação/FIVB
A polícia espanhola achou os corpos da ex-jogadora holandesa Ingrid Visser, que já defendeu o Minas Tênis Clube, e de seu namorado, Lodewijk Severin, em Alquerías, perto de Múrcia. De acordo com fontes próximas à investigação, duas pessoas foram presas, aparentemente, na província de Valência. Os corpor de Visser, de 36 anos, e Severin, 57, foram encontrados parcialmente enterrados.


A ex-jogadora e seu namorado foram vistos pela última vez na tarde do último dia 13, uma segunda-feira, saindo de um hotel em Múrcia, onde tinham feito uma reserva de duas noites para comparecerem a uma consulta médica no dia seguinte.

 

Veja mais: Carol Gattaz e Angélica são contratadas pelo Amil para a temporada 2013/2014


Visser chegou a Múrcia em um avião que saiu de Alicante. Ela começou sua viagem em Amsterdã, na Holanda. O alerta de desaparecimento foi dado pela sua família no dia 15 deste mês, dia em que a ex-jogadora deveria ter voltado para seu país.


A holandesa tem mais de 500 jogos em seu currículo atuando pela seleção de seu país, a qual defendeu nos Jogos Olímpicos de 1996, em Atlanta, nos Estados Unidos. Entre 1997 e 99, Ingrid Visser jogou no Brasil pelo Minas Tênis Clube.


compartilhar no