Pentatlo moderno

Yane Marques, número 3 no ranking, revela detalhes de preparação para Londres

Pernambucana chega à competição como uma das favoritas a conquista de uma medalha
14/07/2012 09:00 - Atualizado em 14/07/2012 11:37
Por Francisco Junior
RIO

A pernambucana Yane Marques, que ocupa a terceira colocação no ranking mundial de pentatlo moderno, será a única representante do país nos Jogos Olímpicos de Londres. Em sua primeira participação na competição, em Pequim, quando tinha apenas cinco anos de prática da modalidade, Yane ficou com a 18ª colocação. Em entrevista exclusiva ao AHE!, a brasileira afirmou que vai em busca de uma medalha, feito inédito para o Brasil.

 

Após conquistar no início de julho a medalha de ouro no Aberto da França, Yane chega a Londres como uma das favoritas ao pódio. Apesar da boa fase, a pentatleta segue com uma rotina de treinos bastante puxada. São de cinco a sete horas por dia para deixá-la na “ponta dos cascos.


AHE! - Falando de Londres, qual sua expectativa quanto ao resultado?


Yane Marques - Só sei que quero chegar no auge da minha forma física, melhorar minhas marcas e fazer o que tiver ao meu alcance. É difícil falar em expectativa no pentatlo. Nós (atletas) montamos cavalos que nunca vimos na vida e nosso contato com ele acontece 20 minutinhos antes de entrar na prova. Tudo pode acontecer nessa modalidade. Depois lidamos com o evento combinado (corrida + tiro), que também é outra incógnita. Quantos tiros eu vou fazer pra acertar os 15 que preciso? E minha adversária vai errar quantos? Isso tudo influencia no resultado e por isso afirmo com toda convicção que as 36 atletas da prova estarão em condições de subir no pódio.

AHE! - Conte-nos como será o seu ritmo de treinos até Londres?


Yane Marques - Já está sendo muito puxado. Treino de cinco a sete horas por dia. São treinos duros, mas que vão me deixar “na ponta dos cascos" para os Jogos de Londres.

AHE! - Em ano olímpico, geralmente, tudo é diferente na vida dos atletas. Você mudou alguma coisa em sua preparação?


Yane Marques - Todas as mudanças que estão ocorrendo foram planejadas pelo Alexandre França, meu técnico. Confio sempre no que ele prescreve, tem dado certo. Ele trabalha muito bem.

AHE! - Em sua opinião, a temporada de 2012 tem tudo para ser especial em sua vida?


Yane Marques - Um ano olímpico é sempre especial. É o sonho de todo atleta participar desse evento.

Yane Marques surpreendeu e conquistou a medalha de ouro no Campeonato Francês de Pentatlo Moderno - DivulgaçãoAHE! - Uma de suas metas é manter-se entre as dez primeiras do ranking em 2012, certo?


Yane Marques - Realmente, tenho o sonho de fazer a temporada de 2012 sempre figurando entre as dez melhores. Apesar da possibilidade, reconheço a dificuldade desse sonho.

AHE! - Por ser ano olímpico, você diminuiu suas férias?


Yane Marques - Tive uns dias sim de férias, mas bem curtas. Afinal, preciso recarregar as baterias, né? Nesses dias, dedico 100% do meu tempo à família e ao namorado. Tenho dois sobrinhos que sou louca por eles. Tenho certeza de que, depois de Londres, vou ter direito a um bom descanso.

AHE! - Você tem se dedicado a alguma atividade fora do pentatlo?


Yane Marques - Atividade fora do pentatlo? Não dá tempo! (Risos). Tudo que faço diferente das cinco modalidades que integram o pentatlo é algo que possa me beneficiar no esporte, como as aulas de pilates, por exemplo.

AHE! - Quanto à questão de ganhar massa muscular ou perder peso, você precisa passar por algum desses processos?


Yane Marques - Não. Estou sempre atenta com a alimentação. Preciso de uma alimentação rica, completa e por isso estou sempre me policiando para não pecar nisso. Mas sem stress com peso. Na real, não tenho facilidade pra engordar, o que é bom.


compartilhar no