Tênis

Roger Federer chama de 'piada' possibilidade de não haver jogadores alemães na Olimpíada

Tenistas germânicos não preenchem os requisitos da Federação Esportiva local
20/06/2012 09:13 - Atualizado em 20/06/2012 09:14
Por AHE!
RIO

Roger Federer está confirmado em Londres - Foto: Carmen Jaspersen / AFPO suíço Roger Federer, número 3 do mundo, disse que é uma "piada" a possibilidade de não haver jogadores alemães na chave principal de simples nos Jogos Olímpicos de Londres.

Segundo regras da Federação Esportiva da Alemanha (DOSB, em inglês), apenas os jogadores ranqueados até a 24ª colocação na lista divulgada no dia 11 de junho poderiam participar dos Jogos. Uma outra possibilidade para se classificar seria o tenista ter chegado às quartas de final em pelo menos um dos últimos três Grand Slams ou na semifinais de um dos últimos cinco Masters 1000.

Nenhum alemão, no entanto, preenche esses requisitos, o que fez Federer fazer nesta quarta-feira duras críticas aos critérios estipulados pelo DOSB.

- É uma piada esse critério. Eu gostaria de ver o máximo de jogadores possíveis da Alemanha atuando na Olimpíada - disse Federer.

Segundo regras da Federação Internacional de Tênis (ITF, em inglês), qualquer jogador ranqueado até a 56ª colocação na lista do dia 11 de junho pode participar dos Jogos de Londres - respeitando, no entanto, um limite de quatro por país. Por esse critério, a Alemanha poderia levar Florian Mayer e Philipp Kohlschreiber.

Klaus Eberhard, diretor esportivo da Federação Alemã de tênis (DTB, em inglês), ainda espera convencer o DOSB a mudar de ideia.

Veja mais: Wimbledon anuncia seus cabeças de chave sem surpresas no top 5 


compartilhar no