Jogos Paralímpicos de Londres 2012

CidadeLondres, Inglaterra  

Países participantes165

Atletas4.200

Abertura29 de Agosto de 2012

Modalidades disputadas20

Delegação Brasileira182

Encerramento09 de Setembro de 2012

Quadro de Medalhas

Pos País  
1 China 95 71 65   231
2 Rússia 36 38 28   102
3 Grã-Bretanha 34 43 43   120
4 Ucrânia 32 24 28   84
5 Austrália 32 23 30   85
6 Estados Unidos 31 29 38   98
7 Brasil 21 14 8   43
8 Alemanha 18 26 22   66
9 Polônia 14 13 9   36
10 Holanda 10 10 19   39

+ sobre os Jogos Paralímpicos de Londres 2012

Realizados entre os dias 29 de agosto e 9 de setembro de 2012, os Jogos Paralímpicos de Londres entraram para a história como a edição com participação recorde de atletas e países. Foram 4.200 competidores de 165 nações de todo o mundo, que disputaram 20 esportes e mais nove modalidades específicas. Outro destaque dos Jogos foi a grande quantidade de quebra de recordes mundiais. Foram nada menos que 199 marcas superadas, contra “apenas” 39 dos Jogos Olímpicos.

A participação do Brasil em Londres foi além da expectativa. A delegação fez com que o país chegasse ao sétimo lugar no quadro geral de medalhas, subindo duas posições em relação aos Jogos de Pequim, em 2008. Foram 21 medalhas de ouro, 14 de prata e oito de bronze, totalizando, assim, 43 subidas ao pódio.

O grande destaque da delegação brasileira foi o nadador Daniel Dias. O porta-bandeira do país na cerimônia de abertura “voou” nas águas e conquistou nada menos que seis medalhas de ouro, vencendo todas as provas individuais que participou em Londres. Daniel subiu ao lugar mais alto do pódio nos 100m livre, 50m borboleta, 200m livre, 50m livre e 50m costas da classe S5, além dos 100m peito da categoria SB4.

Além de Daniel, um dos grandes personagens da competição foi o sul-africano Oscar Pistorius que, ainda em Londres, tornou-se o primeiro biamputado a participar de uma edição dos Jogos Olímpicos tradicionais. Na Paralimpíada, ele conquistou a medalha de ouro nos 400m rasos da classe T44 e ficou com a prata nos 200m da mesma categoria, sendo superado pelo brasileiro Alan Fonteles, que ganhou alguns dias de fama após superar Pistorius com uma arrancada espetacular.

Quem também brilhou em Londres foi o italiano Alessandro Zanardi. O ex-piloto de Fórmula 1 e Fórmula Indy, que perdeu as duas pernas em um acidente em uma prova automobilística, terminou os Jogos com três medalhas – duas e ouro e uma de prata – no ciclismo, modalidade que ele passou a se dedicar em 2007.

compartilhar no